Hello ASP.NET/5 – Peças fundamentais de um projeto

Este artigo é parte da série Hello ASP.NET/5.

No post anterior falamos sobre “como preparar o nosso ambiente”, agora vamos meter a mão na massa escrevendo nosso primeiro código e executando-o para ver no que dá.

O código fonte usado neste artigo está disponível em: https://github.com/e5r-learning/serie-helloaspnet5/releases/tag/topico03

Introdução

Para uma melhor experiência e entendimento do assunto tratado nessa série de artigos, foi criado um repositório no GitHub (https://github.com/e5r-learning/serie-helloaspnet5) para que você possa praticar o que é proposto aqui.

Vamos fazer de tudo para não usar exemplos aleatórios, ao invés disso vamos construir uma base de código simples, porém evoluí-la a cada post. Dessa forma teremos um material completo ao final, que você pode usar para revisar cada assunto aqui apresentado. Além é claro de poder consultar o histórico do artigo sempre que quiser. Continuar lendo

Hello ASP.NET/5 – Preparando o ambiente

Este artigo é parte da série Hello ASP.NET/5.

Série - Hello ASP.NET/5

Iniciando o roteiro proposto no artigo anterior, iremos agora preparar nosso ambiente, para só depois, colocar a mão na massa.

Algumas considerações

Talvez você já esteja acostumado a instalar seus ambientes de desenvolvimento em PHP (com o WAMP, LAMP e MAMP), ou Java (com as IDE’s Eclipse ou Netbeans), ou até mesmo ASP.NET  do jeito antigo (com as IDE’s Visual Studio ou Xamarin Studio), e não tenha nenhuma dificuldade em fazer isso. Talvez você nem se lembre como isso era difícil a um tempo atrás, ainda mais se você levar em consideração desenvolver em vários sistemas operacionais diferentes (Windows, Mac e Linux por exemplo). Continuar lendo

Hello ASP.NET/5 – Introdução

Série - Hello ASP.NET/5

Olá mais uma vez. Demorei mas estou aqui novamente.

Como eu havia prometido em um post anterior, vamos falar um pouco mais sobre ASP.NET vNext ASP.NET/5.

Como o tempo passa

Muita coisa aconteceu desde que postei sobre o assunto, o conteúdo anterior já está obsoleto. Isso não é ruim,  muito pelo contrário, mostra o quanto a comunidade é dinâmica e está ativa, e é isso que está me deixando cada dia mais entusiasmado com o novo ASP.NET.

Pra quem já conhece e usa o ASP.NET em seu dia a dia, terá que se adaptar a muitas mudanças (muitas mesmo), pois não é somente uma mudança de componente ou nova funcionalidade que está sendo inserida, mas todo o ecossistema que está mudando.

Quem mais sentirá a mudança é quem não tem costume com o mundo de desenvolvimento open source. Quem já tem alguma experiência com projetos open source (eu por exemplo) notará que na verdade o que a Microsoft está fazendo é se adaptar a realidade desse mundo. Notamos isso ao observar a estrutura dos projetos no GitHub, as novas ferramentas introduzidas, o suporte a cross plataform, a independência de ferramentas visuais priorizando a otimização dos recursos para servidores dedicados, a legibilidade e simplicidade nos arquivos de definição de projeto (project.json), além de muitas outras coisas que já fazem parte do mundo de quem desenvolve projetos open source a muito tempo; e isso muito me alegra. Continuar lendo